Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Como lidar com a falta de educação dos convidados


Ahhh, os convidados!! Sem eles não há festa, mas tem alguns que dá vontade de matar, confessa!! Mas como matar é crime e se aborrecer no próprio casamento é proibido, veja aqui as dicas de como lidar com algumas gafes ou falta de educação mesmo:

O convidado acha que os arranjos de decoração são lembrancinhas.

Esse é um clássico da falta de educação. Já vi uma senhora saindo com um candelabro de um metro debaixo do braço. Levar os docinhos, pedaço de bolo não tem problema. É até educado que você já forneça uma sacolinha para o convidado levar as iguarias (veja post). Agora, a levar a decoração é gravíssimo, praticamente crime de furto. Sugiro duas providências:
1. Considere ter alguém do cerimonial perto da saída para ‘recapturar’ o objeto levado. Mas assegure-se que ajam com gentileza, afinal, são seus convidados, seus amigos. Se alguém tenta voltar para casa com um arranjo, por exemplo, certifique-se que sua equipe ofereça para embrulhar as flores em papel de seda, deixando o vaso da decoração são e salvo no salão.
2. Treine os garçons para ficar à procura dessas pessoas com dedos pegajosos e avisá-las gentilmente de que as lembrancinhas ainda serão distribuídas.

O convidado leva seus próprios convidados.
Há longos anos, numa dessas coincidências da vida, residindo em outra cidade, reencontrei uma amiga de colégio que ia casar-se. Ela gentilmente me convidou para seu casamento e mandou uma única senha. Ela não esperava mesmo que eu, aos vinte e poucos anos de idade, fosse sozinha para uma festa cuja única pessoa que conhecia era a noiva, com quem eu falaria durante 30 segundos a festa inteira, né? Optei por não ir. Comprei o presente e escrevi no cartão uma justificativa para a ausência. Eu poderia também ter telefonado para o cerimonial e perguntado da possibilidade de outra senha. Particularmente, acho que os noivos convidam quem querem e pronto. Se o convite é “Fulano e fam.”, inclui cachorro e papagaio, mas se é “Sr. e Sra.” não interessa se eles têm 3 filhos e 8 netos. Estes ficam em casa. Não é o convidado que escolhe os convidados. E mais, casar é caro! O Buffet cobra por pessoa. Não raro se deixa alguém de fora pra convidar alguém mais querido.
Muito bem, mas seu convidado não leu este blog e chegou lá na sua festa com dois hóspedes que estavam passando férias na sua casa, o que fazer? Infelizmente nada! Nem pense em expulsá-los ou tratá-los de cara feia. Aqui vale a máxima: amigos de meus amigos, amigos meus são! Eles não podem ser tratados como penetras. Como o leite está derramado, sugiro apenas prevenção. Disponibilize no seu convite vários telefones de contato para que o convidado possa previamente solicitar convites extras, assim, você pode se planejar e evitar surpresas desagradáveis. Mas se você tiver feito isso e mesmo assim o sujeito me aparece com a irmã da sogra, a cunhada e o namorado, anote o nome dele no seu caderninho e pense duas vezes antes de convidar para o batizado do futuro baby!

Mulheres em reais disputas pelo buquê.
Que é aquele empurra-empurra na hora de jogar o bouquet isso todo mundo sabe e é perfeitamente normal, agora, algumas vezes, duas mulheres agarram-no ao mesmo tempo e nenhuma delas quer soltar. E agora? É claro que isso é problema pra psiquiatra tratar, mas como você tem que resolver na hora, sugiro que tenha alternativas de bouquet. Veja o post e se inteire sobre várias brincadeiras além do bouquet de flores. Converse com elas e diga que ainda vai jogar o sapo, as piriguetes etc. Mas se você quer mesmo evitar esse quebra-quebra da mulherada, opte por jogar o bouquet com fita. Leia os vários post sobre "jogar o bouquet".

Traje fino significa roupa leve?
Sua amiga não leu o post “Fuja dos micos em casamento” e apareceu com roupa inapropriada para o evento. Lá estava ela de micro saia e umbigo de fora, enquanto todos vestiam traje fino. Neste caso, a menos que ela seja anormal, ela mesma vai querer um buraco para se esconder, então, não a deixe ainda pior, tente deixá-la confortável. Agora, homens já são capazes de ir de calça jeans, tênis de academia e nem se importar com isso a noite toda.
Muito bem, se a pessoa já entrou na festa, o leite está, novamente, derramado. Faça de conta que ela é a mais bem vestida da noite. O ideal é que alguém do cerimonial, na porta, já faça esse filtro. Você, jamais!! Seu papel é sorrir!

"RSVP", ein??
O convidado apareceu sem ter previamente confirmado a presença. Abstraia. É impressionante como muitos têm dificuldade em ter a delicadeza de telefonar informando se vão ou não. Eu sugiro que contrate alguém para telefonar para cada um confirmado, afinal, já que Maomé não vai à montanha...

Olha quem apareceu só na festa!!
Certa vez fui convidada para um casamento em dia de semana. No dia, estaria trabalhando até as 10:30 da noite. Assim que recebi o convite, agradeci e informei que infelizmente não poderia ir à missa, mas tão somente à festa, pois estaria trabalhando. Ainda assim, neste dia, fui trabalhar maquiada e de penteado feito para atrasar o mínimo possível. O educado é ir a ambos, mas se não for possível, é imperioso avisar com antecedência. É claro, que imprevistos podem acontecer na saída de casa. Certa vez, uma amiga, ao se despedir do filhinho para ir a festa, ele vomitou no vestido. Lá foi ela lavar e secar a roupa (procurar outra assim, de última última hora, depois de maquiada e penteada para determinada peça, convenhamos mulherada, é impossível). Então faça, assim: não julgue. Vejamos o que o convidado tem a dizer, quando você o cumprimentar. De repente, ele poderá dizer que recentemente se converteu para uma religião que não permite que ele assista nada de outra religião. Agora, se ele tiver a cara de pau de dizer que se emocionou ao vê-la entrar na igreja, aí, só matando!

O convidado traz o presente para a festa.
Imagine uma pessoa sem noção, que pensa que casamento é igual a aniversário e leva aquela caixa enoooorme para a festa. O que fazer? Agradeça, abrace e chame algum parente ou pessoa de confiança e peça para colocar no seu carro ou em qualquer outro local seguro. Tenho certeza que isso será assunto de muito riso entre seus parentes quando relembrarem a festa. 

Convidado beijoqueiro.
Você convidou uma pessoa que é conhecida por ser inconveniente. Algumas vezes, somos obrigadas a fazer isso, é bem verdade. Não escolhemos a família que temos. Este seu convidado é aquele que fala cutucando, ou fazendo ‘cafuné’ desarrumando o penteado, ou fala cuspindo, etc. Aqui é o seguinte: ajoelhou, tem que rezar. Se convidou, tem que ser gentil e educada, tem que cumprimenta-lo com educação e carinho, mas faça assim: combine com alguém do cerimonial para chama-la urgentemente poucos segundos depois que você chegar à mesa dele. Problema resolvido! 

Convidado esfomeado.
Alguns convidados parecem que estavam em cárcere privado há meses e atacam a bandeja do garçom desesperadamente. Colocam dois salgadinhos na boca, e enchem as duas mãos. Alguns ainda justifica a má educação, dizendo que os garçons demoram a passar, ora! Bem, isso, definitivamente, não é problema seu. Faltou educação em casa mesmo. Na festa, você só pode lamentar (e esquecer imediatamente para não se chatear) e, claro, anotar o nome do esfomeado no seu caderninho e não convidá-lo jamais. 

Convidado pé de cana.
Bem, aqui nem sempre é um problema. Depende do clima da festa, do tipo de bêbado etc. Se a festa está bombando e todos já estão altinhos mesmo, ótimo, é sinal que sua festa é um sucesso. Agora, alguém está passando do ponto, aí temos problema. Uma vez me contaram que um rapaz subiu numa mesa e começou a dançar, achando que estava num clube de mulheres, tirando a roupa toda. Mais uma vez, "equipe em ação". Peça para alguém ver se ele foi acompanho ou só. Se acompanhado, veja se a pessoa não concorda que já é hora dele ir pra casa. Se ela quiser leva-lo pra casa, ótimo. Se não, ou se ele foi só, certifique-se de coloca-lo em um taxi ou peça para algum convidado que mora próximo e já está de saída para que ele chega em casa em segurança.

Algumas imagens foram transferidas da internet, cujas autorias não estavam reveladas.
Caso o autor aqui as reconheça, favor contatarmos, via e-mail, que o Blog creditará a autoria. Obrigada.
Some images were downloaded from the internet, whose authorship was not revealed.
If the author recognizes them here, please contact us, by email, that the blog will credit the authorship . Thank you

Nenhum comentário:

Postar um comentário