Pesquisar este blog

Carregando...

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Mais dicas para economizar no casamento


Já escrevemos outros posts com dicas sobre como economizar dinheiro no casamento sem perder em qualidade. Como economia nunca é demais, Aqui vai um post.


1. Use jarros de plantas
Uma das maneiras mais simples de economizar é na decoração da festa. Aqui há muito espaço para inovar com criatividade e, claro, economia. Voce pode abandonar os arranjos florais tradicionais, em que as flores são comparadas a dúzia e usar aqueles lindos jarros de margaridas, flores do campo a venda nas feiras tradicionais da cidade. E como já dito noutro post sobre dicas de economizar, descarte o atravessador. Compre direito do atacadista, que sai bem mais barato

2. Cadastre-se em todas as promoções
Cadastre seu e-mail em todas as lojas, fornecedoras, blogs, sites especializados, enfim, tudo que pode lhe deixar em dia com as promoções. E se alguém tiver fazendo um sorteio, vá lá e deixe a frase mais lida, ou curta a fã page, e tudo mais que promoção pedir. É claro que você vai receber muito “lixo”, mas vai que entre um e outro e-mail desses aparece um que mostra “o” vestido dos seus sonhos com 25% de desconto?!

3. Sem preconceito com o vestido alugado
No mercado existem vários modelos lindos e maravilhosos prontinhos esperando por você. Um deles pode ser a sua cara e tudo que ele precisa é de um ajuste aqui e outro ali. Nem preciso dizer a economia que é usar um vestido alugado. Existem alternativas outras no mercado como o “primeiro aluguel” por exemplo. Quer um vestido para ser seu? Existem sites especializados que vendem vestidos usados. Comprar direto da ex noiva é uma super economia e todos seus convidados vão achar que o vestido foi feito pra você.

4. Venda seu vestido de noiva
Se não tem jeito, você quer porque quer ter “o seu” vestido, feito pra você e que ninguém mais tenha usado, uma maneira de recuperar o seu investimento é após o casamento, revender o seu vestido nos sites mencionados na dica anterior. Quem sabe você não termina colocando um sorriso no rosto de outra noiva.

5. Algo emprestado
Na verdade, é uma tradição do casamento bastante difundida nos EUA: algo emprestado, algo velho, algo azul. Faça desta tradição seu ritual de economia. Peça emprestado os brincos da sua tia, a bela tiara de pérola de sua avó...

6. Comece com o básico
Ao montar seu orçamento, planeje tudo partindo do padrão médio e restrinja-se aos itens básicos. Veja o que é necessário e inclua no orçamento. De início descarte o supérfluo e o extravagante. Por exemplo, ao orçar os gastos com bebidas, escolha o básico: refrigerante, cerveja e vinho. Em matéria de vinho, escolha os rótulos de qualidade média. Muito bem, feito isso, se sobrar dinheiro, vá incrementando, aumentando o nível, daquilo que acha mais importante. Por exemplo: você pode acrescentar whisky às bebidas, ou servir vinhos mais renomados.

7. Invista em novos talentos
Na sua cidade existe um fotógrafo que é top em matéria de casamento, o único problema dele é o preço. Claro! Os profissionais já conceituados tendem a ser mais caros, o que não significa que só eles tenham talento. Existe em todos os segmentos (fotógrafos, bandas, DJ, maquiadores, estilistas) uma gama de novos talentos, preparados, dedicados ao trabalho que, apenas por não terem alcançado fama ainda não podem se dar ao luxo de cobrar caro. Fique atenta: vá à escola de música e veja se indicam alunos extraordinários de violino. Quem sabe no Sebrae não lhe indicam maquiadores e estilistas!

8. Ligue o seu iPod
Seus convidados são daqueles que só saem quando o sol nasce, mas seu orçamento só suporta 4 horas de banda? Não se envergonhe...lá pelas tantas da madrugada seus convidados não vão nem perceber que a banda já foi embora e é sua seleção de música do pendrive ou do ipod que está embalando a festa!

9. Boicote a Champagne
Tecnicamente, Champagne é um vinho espumante que é da região de Champagne, na França. Mas há uma abundância de concorrentes do mundo sem o alto preço. Substitua a Campagnhe por prosecco ou espumante sem constrangimento. Aliás, nós temos espumantes nacionais que não deixam nada a dever neste mercado. Informe-se com os especialistas!

10. A semana tem sete dias

Não há nenhuma regra que diz que os casamentos devem ser realizadas nas noites de sábado. Você pode economizar um bom dinheiro em aluguel de salão, contratação de cerimonial, decoradores e tudo mais, casando-se durante a semana. Também, casamentos diurnos podem ser mais baratos. Considere tudo isto.


Algumas imagens foram transferidas da internet, cujas autorias não estavam reveladas. Caso o autor aqui as reconheça, favor contatarmos, via e-mail, que o Blog creditará a autoria. Obrigada.
Some images were downloaded from the internet, whose authorship was not revealed.If the author recognizes them here, please contact us, by email, that the blog will credit the authorship . Thank you.

Nenhum comentário:

Postar um comentário